Enviar carta online

×

Vitalina Koval

Ucrânia

VIOLENTAMENTE ATACADA POR APOIAR DIREITOS LGBTI

Vitalina Koval trabalha duro para apoiar as pessoas LGBTI na sua cidade natal, Uzhgorod. Mas ela foi violentamente atacada depois de organizar uma manifestação pacífica no Dia Internacional pelos Direitos das Mulheres em 2018. Os agressores foram liberados horas após serem detidos. Ainda não houve nenhum tipo de investigação efetiva, e o ataque foi apenas um entre uma ampla onda de intimidações impetradas por grupos de extrema direita na Ucrânia. Vitalina e outras defensoras e defensores de direitos humanos não vão se render ao medo e ao ódio, e nós devemos ficar ao lado delas. Diga à Ucrânia que proteja Vitalina e outras ativistas dos direitos das mulheres e LGBTIs.

ATUE AGORA!

  • Escreva ao Ministro do Interior da Ucrânia. Diga que ele deve reconhecer publicamente o papel vital que Vitalina e outras ativistas desempenham ao defender os direitos das mulheres e pessoas LGBTI, e que as proteja de ataques de grupos da extrema direita.

Escreva para:

Ministro do Interior
Arsen Avakov
Ministério do Interior
Vul. Akademika Bohomoltsa, 10
Kiev, 01601
Ukraine

pgmia@mvs.gov.ua

Selecione o destinatário e preencha as informações abaixo



BAIXE A CARTA EM PDF